Fraude do Pix: novo vírus facilita golpes; entenda - De Olho na Cidade 24hs

Breaking

De Olho na Cidade 24hs

Notícias de Sobral, Ceará, Brasil e Mundo

test banner

Post Top Ad

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

sexta-feira, 15 de setembro de 2023

Fraude do Pix: novo vírus facilita golpes; entenda

                FOTO:  ILUSTRATIVA 

O Pix vem se tornando o meio de pagamento popular entre a população brasileira, ultrapassando inclusive o dinheiro físico. Assim, as formas de roubar estão se tornando populares entre golpistas. Notificações e aplicativos falsos são as armas usadas para cometer este crime.

Segundo a Folha de São Paulo, o golpe através de vírus foi desenvolvido por brasileiros e os primeiros registros foram de dezembro de 2022. Atualmente, por volta de 1,3 mil registros de golpes já foram registrados. Atualmente, essa é a segunda maior queixa virtual da América Latina.

Vírus do Pix: entenda o golpe

O golpe é aplicado através de um vírus, que é instalado a partir de aplicativo da Play Store. O app é instalado de forma espontânea após o indivíduo clicar em uma propaganda duvidosa, seja por interesse ou sem querer.

Um dos meios também usados pelos golpistas é de uma suposta "atualização do WhatsApp", que faz uma solicitação de uma atualização através de uma notificação falsa. Após a instalação, a conta quase de forma instantânea é esvaziada.

Uma característica deste golpe em específico é que, ao acessar seu aplicativo de banco, a tela começa a tremer, além do acesso dificultado à conta. Concluído o golpe, os estelionatários levam pouco mais de 90% do saldo da conta.

Em declaração, a Google relatou que já removeu o aplicativo da sua loja.

Vírus do Pix: como fugir deste Golpe

Primeiro, sempre verificar a veracidade dos aplicativos que irá baixar. Este poderá trazer alguns males ao seu aparelho e colocará em xeque a segurança da sua conta.

Sites suspeitos também colocarão a segurança do seu aparelho em perigo, já que qualquer clique errado poderá lhe prejudicar.Nunca acesse links enviados por pessoas que você não tem acesso ou não tem confiança. Esses links, além de clonar suas redes sociais, poderão acessar senhas de banco.

O POVO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here