Suspeito de matar contadora, no Ceará, diz ter recebido R$ 50 para cometer o crime - De Olho na Cidade 24hs

Breaking

De Olho na Cidade 24hs

Notícias de Sobral, Ceará, Brasil e Mundo

test banner

Post Top Ad

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

sábado, 9 de setembro de 2023

Suspeito de matar contadora, no Ceará, diz ter recebido R$ 50 para cometer o crime

             Foto: Reprodução 

O adolescente suspeito de participar do assassinato da contadora Kaianne Bezerra Lima Chaves, em Aquiraz, na Região Metropolitana de Fortaleza, disse ter recebido R$ 50 pela execução do crime, segundo depoimento prestado à Polícia Civil.

O adolescente e outro suspeito do crime, Adriano Andrade Ribeiro, foram contratados pelo marido de Kaianne, Leonardo Nascimento Chaves, para executar o crime.

Conforme o inquérito policial, ao qual o g1 teve acesso, Leonardo teria dito aos criminosos que, com a morte da esposa, ele receberia cerca de R$ 90 mil do seguro de vida, e que daria parte do dinheiro aos dois.

No depoimento à polícia, o adolescente contou que Leonardo Nascimento tem dívidas com um chefe de facção do bairro Jardim das Oliveiras, em Fortaleza, e que esse chefe havia mandado Leonardo “dar um jeito de pagar” a dívida, no que Leonardo teria dito que a morte da esposa “poderia lhe render um bom dinheiro”.

A morte da contadora foi considerada, inicialmente, como roubo seguido de morte. Porém, durante a investigação, a polícia descobriu que Leonardo e os criminosos haviam se encontrado na noite do crime, no dia 26 de agosto, em um shopping de Aquiraz, onde conversaram e combinaram detalhes do crime.

De acordo com o inquérito policial, Kaianne morreu "atingida por golpes de madeira na cabeça, socos em diversas regiões do corpo e em seguida foi sufocada por um travesseiro". O marido da vítima orientou os dois a roubar, inclusive, as alianças do casal para simular o latrocínio, que é o roubo e assassinato.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here