Foi preso na tarde deste domingo 01/10/2023 Pedro Ivo Lima Neto, 37, acusado de matar a ex-cunhada Dulce Maria Araújo de Sousa, há três dias na localidade de Jatobá, zona rural de Varjota no Ceará. A Polícia estava à procura do indivíduo pela região, desde que ele cometeu este crime brutal. - De Olho na Cidade 24hs

Breaking

De Olho na Cidade 24hs

Notícias de Sobral, Ceará, Brasil e Mundo

test banner

Post Top Ad

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

domingo, 1 de outubro de 2023

Foi preso na tarde deste domingo 01/10/2023 Pedro Ivo Lima Neto, 37, acusado de matar a ex-cunhada Dulce Maria Araújo de Sousa, há três dias na localidade de Jatobá, zona rural de Varjota no Ceará. A Polícia estava à procura do indivíduo pela região, desde que ele cometeu este crime brutal.

                     FOTO:REPRODUÇÃO 

Conforme informado pelo secretário de segurança de Varjota, Tenente Linha Dura, Pedro Ivo estava na casa da irmã no distrito de Otavilândia, já em território de Pires Ferreira, tendo ele e os familiares acionado a Polícia Civil para se entregar. O indivíduo foi conduzido para a Delegacia Regional de Sobral, onde estão sendo realizados os devidos procedimentos.
Contra ele, já havia medidas protetivas, que haviam sido solicitadas em razão do fim do relacionamento com a irmã da vítima, ocorrido recentemente e que não aceitava. 

Na noite de quinta, o acusado chegou no local do fato tentando entrar no imóvel, sendo impedida por Dulce Maria. Momento em que houve um desentendimento entre os dois e ele sacou uma espingarda, tendo atirado contra ela diversas vezes, sendo atingida no braço e no tórax.

Após os disparos, Pedro Ivo ainda chegou a atacar a ex-mulher com duas coronhadas na cabeça e em seguida, fugiu tomando rumo ignorado.

FONTE DE NOTÍCIAS:  AVOZ DE SANTA QUITÉRIA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here